CNDL
rede-rs-cidade-2024-brasil-inovador-rio-grande-sul-aldo-rosa-ceo-reconstrucao-doacoes-resgate-acolhimento-abrigo-municipio-enchente-randoncorp-daniel-instituto-elisabetha-randon
moda-inovadora-2024-rede-brasil-inovacao-esg-ia-aldo-rosa-palestrante-cnc-fecomercio-sesc-senac-cndl-sindilojas-cdl-lab-hub-bfshow-feira-calcados-sp
super-inovador-varejo-2024-rede-brasil-inovacao-esg-ia-ecossistema-hub-startup-aldo-rosa-ceo-palestrante-abras-supermercado-gs1-brasil-em-codigo-1d-2d-(16)

Municípios gaúchos participantes de ações pelo Dia Livre de Impostos – FVRS

Municípios gaúchos participantes de ações pelo Dia Livre de Impostos – FVRS

Lojistas das cidades de Caxias do Sul, Novo Hamburgo, Frederico Westphalen e Carazinho, no Rio Grande do Sul, participantes do Dia Livre de Impostos, promovidos pela CDL Jovem RS e CDL Jovem e Núcleo Jovem das respectivas cidades, nesta quinta-feira, ( 25/05). Foi um momento importante para conscientizar a população sobre a alta carga tributária brasileira. Durante uma ação, os varejistas comercializaram produtos e serviços sem repassar o valor da conta aos clientes, permitindo descontos de até 70% em alguns casos. 

O coordenador da CDL Jovem no Rio Grande do Sul, que faz parte da Federação Varejista do Rio Grande do Sul, Lucas Magnani, destaca que o Dia Livre de Impostos não chama apenas a atenção para a alta carga tributária, mas também ressalta a falta de retorno adequado por parte dos governadores.

“Cada cidadão e empresa precisa pagar por segurança, educação e saúde de forma privada, o que impacta o bolso de todos”, disse.

O Dia Livre de Impostos, em sua 17ª edição, é promovido informalmente pela Confederação Nacional dos Dirigentes Lojistas (CNDL) e pela Câmara de Dirigentes Lojistas Jovem (CDL Jovem), com o propósito de sensibilizar a população, o varejo e o poder público sobre a necessidade de reformulação do sistema tributário do Brasil. 

A coordenadora da CDL Jovem no RS, Shaíze Roth, reforça a importância desse tipo de ação para conscientizar a população.

“Muitas vezes os lojistas são culpados por preços elevados, mas, na verdade, o principal fator que influencia é a carga tributária. O Brasil está entre os últimos colocados nos rankings que mostram o retorno governamental para a população em relação ao que é arrecadado. Além disso, a movimentação serviu para proporcionar aos empresários a oportunidade de destacar seus produtos e serviços de forma diferenciada e criativa”, conclui.

A ação, que ocorreu nacionalmente em mais de 1.500 cidades de todos os estados brasileiros, contou com a participação de 26 estados e do Distrito Federal no último ano, com o envolvimento de mais de 40 mil varejistas. Para verificar as empresas que aderiram ao Dia Livre de Impostos, é possível acessar o site www.dialivredeimpostos.org.br .